Top Banner

Click here to load reader

Jornal universitário (salvo automaticamente)

Jul 14, 2015

ReportDownload

Documents

Editoria: Alunos da UFPA- PARFOR

Alfredo Fernandes, Keity Botelho, keila Lobato e

Maria Iracy trindade. Castanhal- 2012.

Coordenao e superviso Geral: Wilza Moraes

Breve histrico da vila Ape O surgimento da vila

Rio Ape antes e depois

A valorizao do meio ambiente A questo do lixo no rio Ape Entrevista com morador local Origem do nome APE ao rio Suposta origens Entretenimento Equipe responsvelHistrico da VILA APE

A vila Ape surgiu a partir da construo da Estrada de ferro de Belm- Bragana, onde em 1885 os trilhos chegaram e povoaram o lugar. Hoje considerada uma vila distrital da cidade de castanhal. Tem como atrao turstica o Rio Apeu por sua beleza e mistrio histricos, o Carnape tambm faz parte da cultura local, um evento carnavalesco que atrai milhares de pessoas todo ano de vrios lugares, outra atrao da vila o crio de Nossa senhora de Nazar que acontece no terceiro domingo de outubro, considerado por muitos como a segunda romaria de estado do Par.RIO APE: antes e depoisANTES

Segundo o morador local o Sr. Jos Felipe Santiago mais conhecido como Zezinho nos informou que antes o rio Ape era grande e suas guas abundantes, as pessoas andavam da canoa.

Hoje o rio se encontra seco e isso vem se agravando nos ltimos anos. Seu Felipe (morador da vila) justifica esse fato pelo desmatamento desordenado e a construo de represas por fazendeiros locais.

Entrevista com a funcionria da subprefeitura da vila ApeAcadmico ( Alfredo ): A prefeitura faz campanha da preservao do rio Ape?

ndrea ( Agente administrativo ): noAcadmica ( Iracy ): E quem se responsabiliza pela preservao do rio?

ndrea: A escola ao lado tem um grupo chamado GEA, esse grupo faz esse trabalho de sensibilizao de como preservar o meio ambiente.

Acadmica ( Keyte ): E qual o papel da prefeitura nesses eventos?

Andrea: de suporte, de parceria, colabora com carros, com a coleta diria do lixo, pinturas das barracas, entres outras ajudas.

Acadmica Keila: como voc v a situao do rio Ape? Tem melhorado ou no?

Andrea: tem melhorado sim, a coleta de lixo constantemente, o grupo GEA tem feitos vrios projetos de sensibilizao e preservao do rio Ape. Os alunos fazem projetos de reflorestamento as margens do rio.

Alfredo: Existem outros problemas no balnerio? Como a poluio sonora, visual ou brigas entre banhistas?

Andrea: Brigas so inevitveis, quando isso acontece, a policia acionada e logo os problemas entre vndalos so minimizados.Iracy: Bom, ns agradecemos a colaborao, desejando a vocs um Rio Ape cheio de oportunidades aos moradores da Vila Ape.

Questo Ambiental e o rio Ape Apesar das campanhas que o grupo GEA e a prefeitura tm desempenhado ainda h muito que ser feito em relao aos cuidados e preservao do Rio Apeu. Observa-se na foto acima muitos lixo espalhados nas extremidades do rio. As pessoas precisam se sensibilizar para a preservao desse recurso natural, pois esgotvel, e mais tarde as pessoas podem vir sofrer as conseqncias pela perda total desse maravilhoso ponto turstico castanhalense. A foto abaixo como fica o Rio Ape no inverno.

ORIGEM DO NOME DO RIO APE

A Sra. Andrea e o Sr. Jos Felipe ambos funcionrios municipais, contaram-nos que muitas pessoas acreditam que o nome Ape se deve ao fato de que havia um certo homem que viajava de um local para outro vendendo farinha, colocava nas sacas de farinha as iniciais de seu nome que era APEU para identificar que era sua. Porm outras pessoas acreditam que a palavra APEU uma denominao dada pelos ndios, primeiros habitantes da regio, que significa o caminho da guas de ouro, ou seja, das flores amarelas em abundncia pelo rio, expresso essa que os ndios usavam para orientar os colonizadores. Percebe-se que no h uma nica explicao para a origem do nome, porm o que importa que o rio Ape admirado e agraciado por todos os moradores da Vila Ape.ENTRETENIMENTO Realmente foi um dia especial e muito produtivo, depois de tanto trabalho, todos estavam loucos por um delicioso prato de comida, porm o almoo demorou um pouco, enquanto isso os alunos se reuniram para brincar de acrstico com a palavra RIO APEU. A turma estava dividida em sete grupos para desempenhar vrias tarefas no decorrer do trabalho, e cada grupo ficou responsvel em desenvolver uma frase em relao ao rio.R espeitar o meio ambiente

I ndispensvel para o

O ntem, permanecer no

A manh, mantendo e

P resevando o espao que

E sempre serU til para nossa sobrevivncia

EXTRA, EXTRA A BRINCADEIRA DO ACRSTICO SUGERIDA PELA PROFESSORA WILZA CONTINUA, MAS ENQUANTO ISSO....

Enquanto um grupo trabalha outros se divertem, COMENDO. Pois teve uma turma que terminou o passeio com uns quilinhos a mais. Isso porque no tarefa fcil ir ao APEU e no saborear a culinria local.

A Riqueza do Apeu

Importante para preservao do espao

GeOgrfico e ambiental do planeta, precisamos de uma educao com Atitudeses que sensibilizem a Populao apeuense a

MantEr o seu lugar em EqUilbrio contnuo com a naturezaEQUIPE RESPONSVEL PELO JORNAL.

Os acadmicos acima so responsveis por esse jornal. So estudantes do curso de Pedagogia pelo programa PARFOR - UFPA. Na foto abaixo ao centro de bon a professora Wilza responsvel por esse trabalho de campo.

INFORMATIVOSNo dia 17, 18 e 19 a Universidade Federal do Par ira promover cursos de informtica, os interessados devero procurar a coordenao geral do ncleo.A UFPA comunica a todos os acadmicos que o prazo para enviar os documentos para a carteirinha de meia passagem do intermunicipal foram prorrogadas.Amigo leitor voc que estar a procura de site que nos auxiliem pratica docente a um bom ensino de Geografia nos anos iniciais do Ens. Fund.segue algumas dicas: revistaescola.abril.com.br/ tvbrasil.org.br/ saltoparaofuturo/ www.revistapatio.com.br/Na Vila do Apeu acontece um dos fenomenos mais extraordinrio da natureza o encontro de dois rios, o Ape e o rio Capiranga. Observe na foto abaixo a diferena das guas dos dois rios. ou no um espetculo?

CRDITOS ESPECIAIS: A turma de Pedagogia I e professora Wilza.

A disciplina FTM do Ens. de Geografia ministrada pela professora Wilza proporcionou conhecimentos basilares para a prtica docente, e muitos desafios para que nos educadores possamos rever nossas prxis pedaggicas. Os conceitos de NATUREZA so complexos principalmente comparados com os conceitos j internalizados pelos alunos, preciso que estejamos atento para essas multiplicidades de conceitos e associarmos aos conceitos sistematizados, sempre respeitando a maturidade da criana, seu tempo para a aprendizagem.Meio ambiente segundo Reigota : O lugar determinado ou percebido, onde os elementos naturais e sociais esto em relao dinmicas e em interao. Essas relaes implicam processos de criao cultural e tecnolgica e processos histricos e sociais de transformao do meio natural e construdo (1994, p.14).PARDIA

MUSICA: XOTE ECOLGICO

CANTOR: Pedagogos em Ao

J posso respirar, j posso at cantar, com o Apeu limpo

J posso at banhar, do jeito que estava no dava pra ficar

Os lixos do rio podem reciclar.

Cad o lixo daqui? J se reciclou.

A casca de bombom, j se reciclou.

A lmpada queimada, j se reciclou.

At a garrafa pet se aproveitou.

O exerccio da curiosidade convoca a imaginao, a intuio, as emoes, a capacidade de conjectura de comparar a busca da perfilizao do objeto ou do achado de sua razo de ser (Freire, 2001, p.98)

JORNAL UNIVERSITRIO

UNIVERSIDADE FEDERAL DO PAR- UFPA

PEDAGOGOS EM AO: MEIO AMBIENTE, UM OLHAR PEDAGGICO AO RIO APE.

No dia 11 de Janeiro de 2012 uma equipe de alunos da UFPA, curso de Pedagogia- PARFOR foram a campo para verificar a questo do meio ambiente na Vila Ape, especialmente ao Rio Ape. Uma aula passeio que proporcionou conhecimentos, informaes e lazer turma. A professora que orientou esse trabalho foi professora Wilza na disciplina FTM do Ens. de Geografia.

No dia 11 de Janeiro de 2012 uma equipe de alunos da UFPA, curso de Pedagogia- PARFOR foram a campo para verificar a questo do meio ambiente na Vila Ape, especialmente ao Rio Ape. Uma aula passeio que proporcionou conhecimentos, informaes e lazer turma. A professora que orientou esse trabalho foi professora Wilza na disciplina FTM do Ens. de Geografia.

No dia 11 de Janeiro de 2012 uma equipe de alunos da UFPA, curso de Pedagogia- PARFOR foram a campo para verificar a questo do meio ambiente na Vila Ape, especialmente ao Rio Ape. Uma aula passeio que proporcionou conhecimentos, informaes e lazer turma. A professora que orientou esse trabalho foi professora Wilza na disciplina FTM do Ens. Geografia.

7

Welcome message from author
This document is posted to help you gain knowledge. Please leave a comment to let me know what you think about it! Share it to your friends and learn new things together.