Top Banner
Rober venturi Complexidade e Contradição Em Arquitetura
61

Apresentaçao Venturi

Feb 01, 2016

Download

Documents

Filipe Chaves

TUDO SOBRE VENTURI
SEU PENSAMENTO SOBRE ARQUITETURA
CRONOLOGIA DE OBRAS
ANALISE DE ALGUMA DAS OBRAS
VENTURI E TUDO SOBRE LAS VEGAS
Welcome message from author
This document is posted to help you gain knowledge. Please leave a comment to let me know what you think about it! Share it to your friends and learn new things together.
Transcript
Page 1: Apresentaçao Venturi

Rober venturi

Complexidade e Contradição

Em Arquitetura

Page 2: Apresentaçao Venturi

Cronologia de Venturi

1925

1933

1947

1947

Remodelação

de M

ilão.

Nasce n

a F

iladélfia

.

Carta

de

Atenas

formou-s

e e

m P

rin

centon.

Cronologia de Venturi

Page 3: Apresentaçao Venturi

Cronologia de Venturi

1954

1951VIII C

IAM

Via

gem a

Roma

Inauguração d

e B

rasíl

ia

19601950

Concluiu

seu m

estrado

Cronologia de Venturi

Page 4: Apresentaçao Venturi

Cronologia de Venturi

Venturi &

Raush

Aldo R

ossi

1966

1964

1961

1962-1964

Jane J

acobs

Casa V

anna V

enturi

Page 5: Apresentaçao Venturi

Cronologia de Venturi

1972 1991S

ocie

dade c

om

Denis

e S

cott-B

rown

Robert V

enturi

Ganha o

Prit

zker

1969

1966

Venturi

Cronologia de Venturi

Page 6: Apresentaçao Venturi

Ÿ EUA polo econômico e cultural;Ÿ imigração de artistas europeus em busca

de na qual era liberdade de expressão barrada pelo nazismo;

Ÿ questionamento da arquitetura modernista

Ÿ rompimento com a certeza modernistaŸ Busca por uma nova postura

construtiva Ÿ surgimento de manifestos e movimentos

que iram impulsionar a arquitetura populista.

Pós-Guerra

Page 7: Apresentaçao Venturi

POPARTFenomeno artístico característico dos grandes centros urbanos do início dos anos 1960, quandoreiterpretado no ambiente arquitetônico, ensejou a inserção de elementos modernistas, tradicionaise vernaculares num mesmo edifício.

Claes Oldenburg

Roy Lichtenstein

Page 8: Apresentaçao Venturi

Ÿ A Pop Art admitia a crise artística que abatia o século XX;

Ÿ buscava a estética das massas;Ÿ Pode ser lida como uma arte : kitsch

em vez de procurar elementos, símbolos e formas no passado cultural da humanidade se alimentou da profusão de símbolos atuais da sociedade de consumo.

Page 9: Apresentaçao Venturi

Ÿ O Reino Unido se encontrava no período pós segunda guerra e enquanto se reerguia vislumbrava a pros-peridade econômica da América.

Ÿ A Pop Art nasceu entre artistas deste país, como Laurence Alloway, Smithson, Richard Hamilton, Eduardo Paolozzi e Reyner Banham, mas tinha como inspiração a culturaindustrial que surgia nos Estados Unidos e no seu .American way of life

Ÿ Nos Estados Unidos artistas co-mo , Roy Lichtenstein, Andy WarholClaes Oldenburg, James Rosenquist e Tom Wesselmann surgiram co-mo os principais representantes da Pop Art.

Ÿ Não possuíam estilo comum, não escreveram um ma-nifesto, a aproximação dos artistas se deu pelas temáticas abordadas, pela saturação das cores usadase desenho simplificado.

Page 10: Apresentaçao Venturi

Populismo

Ÿ Crítica ao totalitarismo do movimento moderno em busca de uma linguagem simbolista

Ÿ Os símbolos dão uma identidade ao lugar ao contrário da massa cinza e racional proposta pelo modernismo

Ÿ Se esforçar para agradar ao gosto de um público, incorporando temas que ressoam com a sua experiência;

CARACTERÍSTICAS:Composição complexa,Decomposição,Justaposição,Ornamentação,Colagem

Page 11: Apresentaçao Venturi

Venturi foi seguido por Charle Moore, Robert Stern e alguns outros. . Na Piazza d'Italia, formas da cultura clássica romana misturam-se aos novos materiais como o aço escovado e o neon.

Piazza d'Itália. Nova Orleans, 1974-78. Charles Moore.

Page 12: Apresentaçao Venturi
Page 13: Apresentaçao Venturi

Sobre o autor

• Nascido na Philadelphia em 1925, Robert Venturi;

• é considerado um dos principais teóricos pós-modernos, sendo um dos primeiros a dar base teórica ao movimento pós moderno.

• Teve um contato com a arquitetura Grega e Romana, durante uma viajem de dois anos.

• a sua teoria é formada pela defesa do Pluralismo e multiculturalismo; simbolismo e iconografia; cultura popular e da paisagem cotidiana; edifício genérico e comunicação eletrônica.

Ÿrobert

Page 14: Apresentaçao Venturi

1964 - Guild House Philadelphia

1964 - Vanna Venturi House - Philadelphia

1968 - Fire Station #4 - Columbus - EUA

1983 - Gordon Wu Hall - Princeton University - New Jersey - EUA

- 1985 House in Glen Cove - Glen Cove - EUA

1993 - The Charles P. Stevenson, Jr. Library, Bard College

2002 - Trenton Central Fire Headquarters & Museum - Trenton EUA

2008 - Episcopal Academy Chapel - Newtown Square

2011 - The Curtis Institute of Music, Lenfest Hall - Philadelphia - EUA

- 1991 Seattle Art Museum - Seattle - EUA

Guild House

2011 - The Curtis Institute of Music, Lenfest Hall - Philadelphia - EUA

1964 Philadelphia-eua

Page 15: Apresentaçao Venturi

1964 - Guild House Philadelphia

1964 - Vanna Venturi House - Philadelphia

1968 - Fire Station #4 - Columbus - EUA

1983 - Gordon Wu Hall - Princeton University - New Jersey - EUA

- 1985 House in Glen Cove - Glen Cove - EUA

1993 - The Charles P. Stevenson, Jr. Library, Bard College

2002 - Trenton Central Fire Headquarters & Museum - Trenton EUA

2008 - Episcopal Academy Chapel - Newtown Square

2011 - The Curtis Institute of Music, Lenfest Hall - Philadelphia - EUA

- 1991 Seattle Art Museum - Seattle - EUA

Vanna Venturi House

1964 Philadelphia

Page 16: Apresentaçao Venturi

1964 - Guild House Philadelphia

1964 - Vanna Venturi House - Philadelphia

1968 - Fire Station #4 - Columbus - EUA

1983 - Gordon Wu Hall - Princeton University - New Jersey - EUA

- 1985 House in Glen Cove - Glen Cove - EUA

1993 - The Charles P. Stevenson, Jr. Library, Bard College

2002 - Trenton Central Fire Headquarters & Museum - Trenton EUA

2008 - Episcopal Academy Chapel - Newtown Square

2011 - The Curtis Institute of Music, Lenfest Hall - Philadelphia - EUA

- 1991 Seattle Art Museum - Seattle - EUA

Fire Station #4

1968 Columbus - EUA

Page 17: Apresentaçao Venturi

1964 - Guild House Philadelphia

1964 - Vanna Venturi House - Philadelphia

1968 - Fire Station #4 - Columbus - EUA

1983 - Gordon Wu Hall - Princeton University - New Jersey - EUA

- 1985 House in Glen Cove - Glen Cove - EUA

1993 - The Charles P. Stevenson, Jr. Library, Bard College

2002 - Trenton Central Fire Headquarters & Museum - Trenton EUA

2008 - Episcopal Academy Chapel - Newtown Square

2011 - The Curtis Institute of Music, Lenfest Hall - Philadelphia - EUA

- 1991 Seattle Art Museum - Seattle - EUA

1983

Gordon Wu Hall

New Jersey - EUA

Page 18: Apresentaçao Venturi

1964 - Guild House Philadelphia

1964 - Vanna Venturi House - Philadelphia

1968 - Fire Station #4 - Columbus - EUA

1983 - Gordon Wu Hall - Princeton University - New Jersey - EUA

- 1985 House in Glen Cove - Glen Cove - EUA

1993 - The Charles P. Stevenson, Jr. Library, Bard College

2002 - Trenton Central Fire Headquarters & Museum - Trenton EUA

2008 - Episcopal Academy Chapel - Newtown Square

2011 - The Curtis Institute of Music, Lenfest Hall - Philadelphia - EUA

- 1991 Seattle Art Museum - Seattle - EUA

2011 - The Curtis Institute of Music, Lenfest Hall - Philadelphia - EUA

1985

House in Glen Cove

Glen Cove - EUA

Page 19: Apresentaçao Venturi

1964 - Guild House Philadelphia

1964 - Vanna Venturi House - Philadelphia

1968 - Fire Station #4 - Columbus - EUA

1983 - Gordon Wu Hall - Princeton University - New Jersey - EUA

- 1985 House in Glen Cove - Glen Cove - EUA

1993 - The Charles P. Stevenson, Jr. Library, Bard College

2002 - Trenton Central Fire Headquarters & Museum - Trenton EUA

2008 - Episcopal Academy Chapel - Newtown Square

2011 - The Curtis Institute of Music, Lenfest Hall - Philadelphia - EUA

- 1991 Seattle Art Museum - Seattle - EUA

1991 Seattle - EUA

Seattle Art Museum

Page 20: Apresentaçao Venturi

1964 - Guild House Philadelphia

1964 - Vanna Venturi House - Philadelphia

1968 - Fire Station #4 - Columbus - EUA

1983 - Gordon Wu Hall - Princeton University - New Jersey - EUA

- 1985 House in Glen Cove - Glen Cove - EUA

1993 - The Charles P. Stevenson, Jr. Library, Bard College

2002 - Trenton Central Fire Headquarters & Museum - Trenton EUA

2008 - Episcopal Academy Chapel - Newtown Square

2011 - The Curtis Institute of Music, Lenfest Hall - Philadelphia - EUA

- 1991 Seattle Art Museum - Seattle - EUA

1993

The Charles P. Stevenson

Page 21: Apresentaçao Venturi

1964 - Guild House Philadelphia

1964 - Vanna Venturi House - Philadelphia

1968 - Fire Station #4 - Columbus - EUA

1983 - Gordon Wu Hall - Princeton University - New Jersey - EUA

- 1985 House in Glen Cove - Glen Cove - EUA

1993 - The Charles P. Stevenson, Jr. Library, Bard College

2002 - Trenton Central Fire Headquarters & Museum - Trenton EUA

2008 - Episcopal Academy Chapel - Newtown Square

2011 - The Curtis Institute of Music, Lenfest Hall - Philadelphia - EUA

- 1991 Seattle Art Museum - Seattle - EUA

2002

Trenton Central Fire Headquarters & Museum

Trenton -EUA

Page 22: Apresentaçao Venturi

1964 - Guild House Philadelphia

1964 - Vanna Venturi House - Philadelphia

1968 - Fire Station #4 - Columbus - EUA

1983 - Gordon Wu Hall - Princeton University - New Jersey - EUA

- 1985 House in Glen Cove - Glen Cove - EUA

1993 - The Charles P. Stevenson, Jr. Library, Bard College

2002 - Trenton Central Fire Headquarters & Museum - Trenton EUA

2008 - Episcopal Academy Chapel - Newtown Square

2011 - The Curtis Institute of Music, Lenfest Hall - Philadelphia - EUA

- 1991 Seattle Art Museum - Seattle - EUA

2008

Episcopal Academy Chapel

Newtown Square

Page 23: Apresentaçao Venturi

1964 - Guild House Philadelphia

1964 - Vanna Venturi House - Philadelphia

1968 - Fire Station #4 - Columbus - EUA

1983 - Gordon Wu Hall - Princeton University - New Jersey - EUA

- 1985 House in Glen Cove - Glen Cove - EUA

1993 - The Charles P. Stevenson, Jr. Library, Bard College

2002 - Trenton Central Fire Headquarters & Museum - Trenton EUA

2008 - Episcopal Academy Chapel - Newtown Square

2011 - The Curtis Institute of Music, Lenfest Hall - Philadelphia - EUA

- 1991 Seattle Art Museum - Seattle - EUA

2011

The Curtis Institute of Music, Lenfest Hall

Philadelphia - EUA

Page 24: Apresentaçao Venturi

as três posturas do arquiteto

Ÿ simbolismo Ÿ complexidadeŸ Contradição

Page 25: Apresentaçao Venturi

as três posturas do arquiteto

• Venturi defende a arquitetura comunicativa, classificando-a como galpão decorado.

• Uso de símbolos (letreiros, anúncios) como comunicação e persuasão de forma criativa.

• O simbolismo dá identidade, marca o espaço, fazendo com que o indivíduo consiga se localizar no espaço de forma eficiente.

• A cidade se torna atrativa e chamativa, diferente da cidade modernista cinza, homogenia.

Ÿsim

bolis

mo

Page 26: Apresentaçao Venturi

as três posturas do arquiteto

Ÿsim

bolis

mo

Ÿ arquitetura não se destaca.

Ÿ Os letreiros são usados como forma de comunicação, assim eles se dirigem ao tráfego para estar no campo de visão do motorista.

Ÿ Posição leva em conta a velocidade e capacidade de atenção

Os letreiros

Page 27: Apresentaçao Venturi

as três posturas do arquiteto

o galpão decorado

• Arquitetura do galpão decorado: uso de símbolos (letreiros, anúncios) para se comunicar, persuadir o receptor.

• A forma segue ao programa e o uso do ornamento é independente, ou seja, as fachadas são ornamentadas mas o fundo do edifício continua sendo de uma arquitetura simples.

Ÿsim

bolis

mo

Page 28: Apresentaçao Venturi

as três posturas do arquiteto

o pato

Ÿ Arquitetura pato: em referencia a modernista, pois a arquitetura toma a própria forma do produto a ser comercializado, ¨a forma ¨ segue a função

Ÿ Crítica a perda do simbolismo.

Ÿsim

bolis

mo

Page 29: Apresentaçao Venturi

as três posturas do arquiteto

Ÿcontradiç

ã

• Simbolismo figurativo • Ornamento aplicado• Arquitetura heterogênea • Arquitetura populista• Evolutiva -> reavaliação histórica • Convencional e configuração barata• Fachadas frontais belas e luxuosas • Construção convencional• Aceita escala de valores do cliente• Composição

• Eliminação dos elementos simbólicos• Eliminação da ornamentação• Arquitetura pura• Arquitetura elitista• Revolucionária (tábula rasa)• Singular, arrojada até heróica• Todas as fachadas tratadas iguais• Tecnologia progressiva• Ideal do arquiteto• Projeto

Modernismo x Pós-Modernismo (segundo Venturi)

Page 30: Apresentaçao Venturi

as três posturas do arquiteto

contradiç

ão

Apartir dos anos 60, os arquitetos do pós-modernismo motivados pela modificações culturais e pelo fracasso de certas obras racionalista, começaram a se questionar alguns dogmas modernista:

porque abrir mal dos elementos de decoração?

por que nao usar símbolos?

o que a de errado na simetria?

por que renegar modelos classicos?

Page 31: Apresentaçao Venturi

as três posturas do arquiteto

CO

MPLEXID

AD

E

Se tinha a arquitetura, e com ela associado um estilo de vida, que deveria expor o drama da existência contemporânea. O homem estava vivendo um momento novo e precisa de um novo modo de habitar, de viver. O interesse estético do modernismo estava intimamente relacionado à eficiência – Arquitetura de intenções práticas – contudo, isto em análise aprofundada poderia ser percebido como tão extravagante como a arquitetura anterior (continuava tendo uma visão retrógrada sobre o belo), também criando um sistema que se esgotou.Resultado: Fim da crença da beleza universal, nenhum estilo estava livre de críticas ou de serem questionados.

Page 32: Apresentaçao Venturi

as três posturas do arquiteto

CO

MPLEXID

AD

E

A complexidade e a contradição que resultam da justaposição do que a “imagem é” e do que “parece ser”. Na arquitetura estão porto da parte – é forma e substância – abstrata e concreta. Um elemento arquitetônico é percebido como forma e estrutura, textura e material. A conjunção ou? seguida por um ponto de interrogação pode geralmente d escrever esse tipo de ambiguidade.- A Villa Savoye é uma planta quadrada ou não? - A concavidade ornamental no Casino di Pio IV no Vaticano é perversa: é mais ou mais abóboda ?

AMBIGUIDADE

Page 33: Apresentaçao Venturi

LAS VEGAS S

TR

EET

Page 34: Apresentaçao Venturi

Endereço: 711 rua Spring GardenCidade: Filadelfia, EUAConstrução: 1960-1963Arquiteto: Robert Venturi

guild house1964

Page 35: Apresentaçao Venturi

guild house

Justificativa

A Guild House foi escolhida por ser um dos exemplos mais significativos da arquitetura que faz uso de símbolos defendido por Robert Venturi, assim como a arquitetura do galpão decorado.

Caracteristicas:

Ecletismo: a simetria e proporção dos elementos das fachadas sugerem as proporções de um palácio da Renascência

1964

Page 36: Apresentaçao Venturi

Ÿ Uso de ornamento: -O parapeito e as linhas de tijolos brancos combinando na base do edifício.

-Uso do letreiro que identifica o edifício ao mesmo tempo que dá o caráter comercial.

guild house1964

Page 37: Apresentaçao Venturi

guild house

Ÿ Arquitetura vernácula: O edifício possui a forma e proporções que se adequam ao edifícios ao redor e ao alinhamento da grade urbana.

Ÿ Uso de simbolos:

As janelas que lembram as usadas nas casas geminadas tradicionais da Filadélfia

Ÿ tecnologia de construção «convêncional»

1964

Page 38: Apresentaçao Venturi

guild house

Acentua o eixo da entrada na fachada.

Fachadas voltadas para sul, suldoeste e sudeste para conseguir o maximo de luz e captar o movimento da rua

Programa de noventa e um apartamentos

1964

Page 39: Apresentaçao Venturi

Arquiteto: Robert VenturiLocalização: Ohio, EUA. Ano do Projeto : 1965

Três Edifícios para a cidade de (EUA). Ohio

PrefeituraSede para a Asssociação Cristã de MoçosBiblioteca Pública

Ÿ Relacionam-se mutuamente, do ponto de vista urbanístico, e com o centro da cidade que fazem parte.

Ÿ São parte da fase inicial de plano mais vasto de renovação do centro da cidade.

implantação

1965

Page 40: Apresentaçao Venturi

Análise: Prefeitura

Ÿ é um templo romano: -Proporções gerais; -Construção isolada;

Ÿ Contraste: -Templo Grego: é um edifício direcional cuja frente é mais importante do que os fundos.

1965

Page 41: Apresentaçao Venturi

1965 Análise: Prefeitura

Ÿ Parede parcialmente livre;Ÿ gigantesca abertura arqueada na

frente sobreposta à parede dos três andares mais atrás;

Cenários: - Para o observador da Main Street - O mesmo edifícios em diferentes contextos e diferentes formas.

Page 42: Apresentaçao Venturi

Análise: Prefeitura

Ÿ Contradição em escala;Ÿ Caráter entre a frente e os fundos;Ÿ A Dicotomia no programa de uma

Prefeitura entre os espaços monumentais;

Ÿ Composição parece imcompleta mas é essencialmente fahada

Mosteiro de La Tourette, Le Corbusier 1959.

1965

Page 43: Apresentaçao Venturi

Arquiteto: Robert VenturiLocalização: Chestnut Hill, Filadélfia, Pensilvânia, EUAAno do Projeto : 1964-14

implantação

Casa Vanna Venturi1964

Page 44: Apresentaçao Venturi

Casa Vanna Venturi1964

pop art na arquitetura

Ÿ gosto pela colagem, pela cultura popular, pela comunicação direta e imediata, pelas figuras do dia a dia, pela amplificação da escala, pela sua aversão à abstração e à alta cultura elitista.

Ÿ São janelas, empenas, frontões, vergas, telhados, chaminés, que vão receber o tratamento pop, voltando a ser janelas e portas, e não abstratos vãos de iluminação e acesso.

Page 45: Apresentaçao Venturi

Casa Vanna Venturi1964

confrontar todos os princípios vigentes da arquitetura do Movimento Moderno.

Projetada durante os anos em que Venturi escrevia seu livro seminal, Complexidade e contradição na arquitetura

Venturi queria para a sua casa manifesto: a complexidade, a sobreposição de significados, a feição convencional complexificada pela inserção abrupta de elementos estranhos, a vitalidade desordenada.

Page 46: Apresentaçao Venturi

Casa Vanna Venturi19641.Porta Pia. Roma, 1565. Migelângelo inspirando o volume vertical da chaminé

2.Villa Barbaro. Maser, 1560. A. PalladioA forma geral simétricas

3.Bristol, Rhode Island. 1887. Mc Kim, Mead & White.pendentes laterais

4.Girasole. Roma, 1952. L. Moretti.divisão binária da fachada

Page 47: Apresentaçao Venturi

sala de estar

sala de jantar

cozinha

quarto quarto

banheiro

porch

sala de estar

sala de jantar

cozinha

quarto quarto

banheiro

porch

Casa Vanna Venturi1964

planta térreo

Page 48: Apresentaçao Venturi

a planta lembra uma solução recorrente de Frank Lloyd Wright, de ceder o centro de força da casa à lareira, que, por sua vez é envolvida pela escada para o segundo pavimento. É mais uma citação, como Venturi gosta de fazer, trazendo para seus projetos uma referência nobre, mais do que propriamente uma semelhança, pois a escada vai se desenvolver de uma maneira tortuosa, parecendo lutar com a lareira pelo seu espaço.

Casa Vanna Venturi1964

Page 49: Apresentaçao Venturi

Casa Vanna Venturi1964No pavimento superior temos apenas um estúdio-dormitório, com um pequeno banheiro, e um balcão dando para os fundos da casa (SO), que Venturi projetou para seu uso.

Page 50: Apresentaçao Venturi

Casa Vanna Venturi1964

simetria

Tanto na planta como na fachada vemos uma intenção de simetria, que é desmentida pelo ligeiro deslocamento da lareira.

Page 51: Apresentaçao Venturi

Este pilar na sala de jantar é o que Venturi chamaria um elemento vest ig ial , não supérfluo. Estruturalmente falando poderia ser visto como desnecessário, de vez que Ventur i optou pela inex istênc ia de p i l ares aparentes e as paredes laterais da varanda poderiam perfe i tamente inclu ir o elemento estrutural. O e l e m e n t o v e s t i g i a l , entretanto, contém um duplo significado.

Casa Vanna Venturi1964

Page 52: Apresentaçao Venturi

Instituto para Investigação científica

1978

Page 53: Apresentaçao Venturi

Instituto para Investigação científica

1978

Page 54: Apresentaçao Venturi

Instituto para Investigação científica

1978

Page 55: Apresentaçao Venturi

O padrão geométricoprocura lembrar antigoscartões de computador

Instituto para Investigação científica

1978

Page 56: Apresentaçao Venturi

Instituto para Investigação científica

1978

Page 57: Apresentaçao Venturi

Instituto para Investigação científica

1978

Como forma de marcar a fachada, Venturi e Scott Brown deram um corte na extremidade direita do térreo.

Page 58: Apresentaçao Venturi

Essas flores lembramas serigrafias de AndyWarhol, evidenciandoas conexões entre aarquitetura e a popart.

Instituto para Investigação científica

1978

Page 59: Apresentaçao Venturi

Instituto para Investigação científica

1978

Em contraste com a fachada principal, as outrasfachadas foram deixadas propositalmente ao livrearbítrio das condições interiores, sem o menor es-forço por mostrar alguma intenção arquitetônica.

Page 60: Apresentaçao Venturi

Instituto para Investigação científica

1978

Características:- Simbolismo- banalidade- galpão decorado

Bibliografia- Venturi, Robert. Aprendendo com Las Vegas. Cosac Naify. 2003, São Paulo.

- www.vitruvius.com.br/revistas/read/arquitextos/05.056/509

Page 61: Apresentaçao Venturi

Bibliografia

- Venturi, Robert. Aprendendo com Las Vegas. Cosac Naify. 2003, São Paulo.

- Venturi Robert. Complexidade e Contradição em Arquitetura. Martins fontes. São Paulo, 1995. - www.vitruvius.com.br/revistas/read/arquitextos/05.056/509